25 agosto 2007

415 - INTERNET

Quantas vezes telefonamos a um amigo que está em frente a um computador para nos fazer uma pesquisa na Internet, ver aquela informação importante que temos no e-mail ou apenas abrir um mapa e guiar-nos até ao destino? O amigo nem sempre está disponível, não é.

A ideia é simples: criar um serviço por telefone personalizado que permitisse pesquisar informação na Internet. Nem toda a gente tem acesso à Internet no telefone, nem as capacidades de pesquisa de um "profissional de tele-internet".

O sistema poderia ser implementado da seguinte forma:
  • um utilizador regista o seu número de telefone, inserindo os seus dados pessoais num site, que explica o serviço;
  • quando telefona para o 415 - INTERNET, é identificado pelo número e a chamada é encaminhada para um operador, através de VoiP, dependendo do tipo de pesquisa que pretende;
  • um operador, com uma aplicação de Voip especialmente criado para o efeito, recebe a chamada e satisfaz o pedido do cliente, ficando registados os dados da chamada.
É perfeitamente possível o sistema ser grátis, existindo até duas alternativas:
  • aproveitando o espírito open-source e a comunidade de utilizadores sempre prontos a ajudar e a experimentar serviços novos, é perfeitamente possível ter operadores gratuitos a atender estas chamadas, sendo a qualidade do serviço algo inconsistente.
  • usar um sistema idêntico ao Postcrossing - após registo, o utilizador tem direito a fazer uma chamada. Depois precisa de atender chamadas para poder utilizar o serviço novamente, numa relação de 1 para 1.
A segunda hipótese seria a mais interessante pois a qualidade do serviço estaria assegurada por um sistema de encaminhamento com base no serviço prestado. Quem atende várias chamadas, é atendido por alguém com o mesmo espírito, o que seria um incentivo para que alguém recebesse mais chamadas do que aquelas que realmente necessita de fazer.

Desta vez, seria um serviço gratuito, orientado ao público em geral, focado em tornar o mundo melhor, condições essenciais para vingar no competitivo mundo da Internet.

3 comentários:

pedro disse...

Só mais uma idea:
Ao receber uma chamada o operador teria uma página pessoal definida pelo utilizador que telefona, com links úteis ou de sites com informação protegida por password, como por exemplo, conta de e-mail. Ao clicar num destes links, automaticamente era autenticado pelo sistema (para que o operador não visse a password).

Dark disse...

Parte da ideia parece-me boa, no entanto (existe sempre um mas) penso que a parte de quem está a responder ser simultaneamente um utilizador do sistema, é má ideia!
Normalmente as pessoas quando aderem a um determinado serviço é pq nao querem ter trabalho! Segundo, se temos um mau utilizador (presta um mau serviço) a imagem fica má!
Ainda assim, ligar a alguém para fazer uma pesquisa/pergunta (se tem e-mail por exemplo) parece-me um principio que bem limado daria um bom serviço ;)

Abraço,
RF aka Stiff

mentalstring disse...

o chacha.com é um serviço que já faz isso. começou (e ainda é?) por ser um motor de busca humano com interface web mas agora tb tem interface por sms.

a julgar pelos comentários, não parece ter muito sucesso...